Quinta, 09 de Dezembro de 2021 01:08
(66) 98420-9136
Cidades Ação

Prefeitura de Chapada dos Guimarães inicia a implantação de hortas sustentáveis nas escolas municipais

De acordo com a Secretaria de Agricultura Familiar, o processo de construção é uma tarefa conjunta de aprender a trabalhar em grupo

16/11/2021 08h45
Por: Reportagem Fonte: Prefeitura de Chapada dos Guimarães
Reprodução
Reprodução

A Secretaria Municipal de Agricultura, juntamente com a Secretaria Municipal de Educação,  está realizando a implantação e manutenção de hortas sustentáveis nas escolas do município de Chapada dos Guimarães.

De acordo com a Secretaria de Agricultura Familiar, o processo de construção é uma tarefa conjunta de aprender a trabalhar em grupo, oportunizando aos alunos, professores, e os administrativos das escolas, a socializar e desenvolver as habilidades, além de promover a mudanças na cultura da comunidade escolar no que se refere à alimentação, à nutrição e a melhoria da qualidade de vida de todos, tendo na horta escolar um eixo gerador das mudanças.

As hortas já foram implantadas nas escolas municipais JJ, Jacondino Bezerra, Centro Municipal Educação Infantil Magia do Saber Anita Goulart (CMEI), Santa Helena (Anexa - Cachoeira Rica), e na Escola Municipal Professora Elba Xavier Ferreira. Além das escolas, a Secretaria de Agricultura Familiar também auxiliou na implantação das hortas comunitárias na Casa de Passagem, Associação de Pais e Amigos (APAE), e no bairro Vista Alegre. 

Conforme o técnico responsável, Serafim Ferreira, o projeto prevê ainda instalações nas comunidades de Água Branca, Praia Rica, Córrego do Campo, Aldeia Velha e Cohab. 

“O trabalho é feito em conjunto, entramos em contato com a direção das escolas, se haver interesse, visitamos o local, identificamos qual melhor área para a implantação, para que haja uma boa produção, posteriormente levamos o material de decomposição do horto-florestal, as mudas doadas por nós da secretaria de agricultura e em algumas localidades as telas de fechamento doadas pela secretaria também. Na comunidade, junto com pais, professores e administradores das escolas, fazemos as plantações, disse Serafim.

Para o secretário de Agricultura Familiar, Sebastião Moreira, a horta escolar vem para acrescentar na melhoria de atividades e alimentação escolar.

“O intuito é conscientizar os professores, administradores e até os pais que a horta escolar é de melhoria para todos, pois precisamos de todos eles envolvidos nesse projeto, pois é benefício para a própria comunidade”, disse Moreira.

O secretário municipal de Educação, Benedito Lechner, afirma que no próximo ano a implantação das hortas nas escolas será incluída no ano letivo como uma das categorias das Olimpíadas do Conhecimento.

“Na prática pedagógica pode ser trabalhada a interdisciplinaridade, envolvendo matemática, linguagem, ciências e demais disciplinas. A parceria vem sendo fundamental para esse trabalho nas escolas, pois além de envolver os alunos também passou a envolver a comunidade escolar”, completou Lechner.

“As atividades na horta começam a ter impacto inclusive dentro das salas de aula, é um ótimo recurso didático. São diversos benefícios que esse tipo de projeto pode proporcionar. Através da horta possibilitam o desenvolvimento de conteúdos interdisciplinares ligados a recursos naturais, e alimentação saudável. A escola em si mais alegre, com os pais com a ocupação dos espaços, além de uma alimentação mais rica em alimentos, ficando mais colorida com vários benefícios, produzidos de forma orgânica e com a participação dos alunos”, destaca a diretora da Escola Municipal Professora Elba Xavier Ferreira, Nivair da Silva Fernandes

Para finalizar Serafim Ferreira disse que as hortas escolares são 100% orgânicas, e que foram reutilizados materiais encontrados na comunidade, como madeiras, troncos e caixa d'água.

O projeto ainda conta com a parceria da Sicredi e da Cooper Chapada, e o projeto Ponto de Luz. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.