Quarta, 19 de Janeiro de 2022 15:19
(66) 98420-9136
Cidades AL MT

Deputado Thiago Silva vota contra e Assembleia reprova criação do Conselho LGBT

Votação ocorreu na AL MT nesta quarta-feira

01/12/2021 14h11
Por: Redação Âncora
Deputado Thiago Silva vota contra e Assembleia reprova criação do Conselho LGBT

 

A Assembleia Legislativa rejeitou nesta quarta-feira (01) com onze votos a criação do Conselho Estadual LGBT em Mato Grosso. O deputado Thiago Silva votou contra a criação, defendendo há existência de inúmeros conselhos que já atende o segmento, o princípio da igualdade e a economicidade da máquina pública.

De acordo com Thiago Silva, o público LGBT já é atendido pelo Conselho Estadual de Direitos Humanos, Conselho da Saúde e Segurança Pública e a criação de um novo conselho geraria mais gastos para o Governo. “Já temos mais de 10 conselhos no Estado que não estão funcionando de forma adequada para atender a população, por isto sou contra a criação de mais despesas, defendo  também o fortalecimento dos conselhos existentes e sou contra a criação do conselho LGBT. Acredito que foi uma decisão acertada dos deputados por entender que de acordo com o princípio da igualdade, segmentos não devem ter privilégios em detrimento de outros, além de novos gastos que serão gerados para a máquina pública”, disse o deputado.

Thiago Silva é cristão, membro da Assembleia de Deus e tem defendido os valores da família e contra a ideologia de gênero no parlamento estadual.

 

Projetos contra a ideologia de gênero

 

Além de votar contra a criação do Conselho, o deputado Thiago tem apresentado projetos contra a ideologia de gênero. O parlamentar apresentou o projeto 940/2021 que dispõe sobre a proibição da ideologia de gêneros nas escolas da rede pública estadual e de ensino privado no Estado.

Outro projeto relevante é o 920/21 que pauta a proibição da publicidade, através de qualquer veículo de comunicação e mídia de material que contenha alusão à preferências sexuais e movimentos sobre diversidade sexual relacionados a crianças no Estado de Mato Grosso.

“Precisamos de políticas públicas que preservem nossas crianças e jovens sobre temas que fazem alusão a ideologia de gênero. Não podemos estimular escolhas sobre temas sexuais para crianças que não tem entendimento sobre o assunto”, disse o deputado Thiago Silva.

O projeto de lei 919/2021, também de autoria do parlamentar, estabelece medidas de proteção a menores de idade na aquisição de livros e artigos literários que contenha nos de forma escrita, clara e precisa, expressamente na capa e contracapa a informação que a obra literária ou artística, impressão ou áudio visual, apresente fundamentos temáticos de sexo, sexualidade, erotismo ou nudez.

Por fim, o projeto de lei 918/2021 do deputado Thiago proíbe na rede pública e privada de ensino infantil, fundamental e médio no Estado de Mato Grosso, a exposição de alunos a qualquer tipo de propaganda sobre ideologia de gênero no ambiente escolar. De acordo com o referido projeto considera-se propaganda sobre ideologia de gênero todo conteúdo impresso ou digital, de caráter audiovisual como filmes, músicas, pinturas, murais, folhetos, pôsteres expostos e/ou exibidos dentro do ambiente escolar, propensos a induzir ou incentivar a exposição ou manipulação genital.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.